JG INFORMÁTICA

Recarga de toner de impressora HP, SAMSUNG e manutenção de TECLADOS DE NOTEBOOK,

além de manutenção em geral é com a JG INFORMÁTICA.

Entre em contato pelo fone: (83) 9 8115-7098.

Org. Jailson Galdino

Horóscopo diário

Compre a rifa da Desportiva Guarabira aqui

Compre a rifa da Desportiva Guarabira aqui

25 de julho de 2016

Sem sustos, Botafogo-PB vence o Salgueiro e encosta no líder Fortaleza

Com um gol em cada tempo, o Belo faz 2 a 0 no Almeidão, empata com o Tricolor do Pici em pontos, mas perde no saldo de gols, ficando em segundo lugar no Grupo A.

O Botafogo-PB está brigando palmo a palmo pela liderança do Grupo A da Série C do Brasileiro. Na noite deste domingo, o Belo venceu o Salgueiro por 2 a 0, no Almeidão, em João Pessoa, e encostou no líder Fortaleza. Por um gol, o Alvinegro da Estrela Vermelha não reassumiu a liderança isolada da chave.

Com um gol em cada tempo - Danielzinho no primeiro e Rodrigo Silva no segundo -, o Botafogo-PB não passou sustos e manteve os 100% de aproveitamento jogando em casa nesta Série C. O time se beneficiou com o empate do Fortaleza com o River-PI, ontem, e agora está na co-liderança com o Leão do Pici.

A vitória levou o Belo aos mesmos 18 pontos do Fortaleza, mas os paraibanos perdem para o Tricolor cearense na quantidade de gols marcados (13 a 11) e, por isso, estão na segunda colocação. Já o Salgueiro permaneceu com 15 pontos, na sexta colocação, mas pode até subir para o quinto lugar, se o Remo for goleado pela Cuiabá nesta segunda-feira.


Na próxima rodada, o Botafogo-PB vai até o Mato Grosso, onde enfrenta o Cuiabá na Arena Pantanal, no domingo, às 16h. No dia seguinte, o Salgueiro recebe o Remo no Cornélio de Barros, às 19h15, no interior do Pernambuco.

Equilíbrio e gol do belo
Empurrado pela torcida, que não se acanhou com a chuva, o Botafogo-PB foi para cima desde o início. E a primeira chance real de abrir o placar saiu logo aos oito minutos, quando Val arriscou de longe e acertou um chute colocado, forçando o goleiro Luciano a se esticar todo e fazer uma boa defesa. Mas, três minutos mais tarde, não deu para o goleiro do Salgueiro. Pedro Castro tabelou com Danielzinho e tocou com estilo na saída do arqueiro alviverde, mandando para o fundo das redes e colocando o Belo à frente no placar.


A partir daí, o Salgueiro melhorou em campo e passou a investir mais nas jogadas pelas pontas para tentar chegar ao ataque e buscar o empate. Rodrigo Silva ainda tentou ampliar para os donos da casa, mas foi a equipe visitante que chegou muito perto de marcar. Após escanteio cobrado por Rafael Mineiro, Cássio desviou de cabeça, e a bola já estava quase entrando quando Jéfferson Recife apareceu para salvar o Botafogo-PB e evitar o empate. O Belo ainda perdeu boas oportunidades com Danielzinho e com Jéfferson Recife, e o Salgueiro acabou esbarrando na boa marcação da zaga adversária. E a rede não balançou mais antes do intervalo.

Expulsões e mais gol um do belo
Os times voltaram sem substituições para a segunda etapa e com o Salgueiro mais organizado e tomando a iniciativa, indo em busca do empate, mas esbarrando na boa marcação do Botafogo-PB. O jogo começou a ficar faltoso e cheio de cartões amarelos. E sem grandes chances de gol. Pelo menos até os 23 minutos, quando Danielzinho acionou João Paulo pela direita do ataque do Belo. O camisa 2 alvinegro foi à linha de fundo e cruzou na área. Rodrigo Silva subiu mais que todo mundo e, de cabeça, tocou no canto esquerdo do goleiro Luciano, para ampliar para o time da casa.

Logo depois, a situação ficou ainda melhor para o Botafogo-PB. É que Rodolfo foi expulso após fazer falta em Pedro Castro e se desentender com jogadores adversários e deixou o Salgueiro com um a menos em campo. A partir daí, o Belo melhorou, teve mais espaços e controlou a partida. Chegou perto de ampliar, primeiro com Plínio, depois com Marcinho. Mas o terceiro gol, que daria a liderança isolada ao Alvinegro, não saiu, e a partida terminou mesmo com o placar marcando 2 a 0. Não sem antes Plínio também ser expulso após carrinho perigoso em Tatu.

Botafogo-PB 2 x 0 Salgueiro
Belo: Michel Alves, João Paulo, Plínio, Marcelo Xavier e Jéfferson Recife (Ângelo); Djavan, Val (Sapé), Pedro Castro e Marcinho; Danielzinho (Lucas Batatinha) e Rodrigo Silva.
Técnico: Itamar Schülle.

Carcará: Luciano, Tamandaré, Ranieri, Rogério e Lucas Piauí (Tatu); Rodolfo, Moreilândia, Diego Aragão e Cássio (Piauí); Luiz Paulo (Toty) e Rafael Mineiro.
Técnico: Evandro Guimarães.

Gols: Danielzinho aos 11 do 1º tempo; Rodrigo Silva aos 23 do 2º tempo.
Cartões amarelos: Marcelo Xavier, Jéfferson Recife, Marcinho, Danielzinho, Lucas Batatinha (Botafogo-PB); Tamandaré, Lucas Piauí, Luciano (Salgueiro). Cartões vermelhos: Plínio (Botafogo-PB); Rodolfo (Salgueiro).
Local: Estádio Almeidão, em João Pessoa. Competição: Série C do Campeonato Brasileiro (10ª rodada da 1ª fase); Arbitragem: Philip Georg Bennet (RJ), Adaílton José de Jesus Silva (BA) e Paulo de Tarso Bregalda Gussen (BA).
Público: 8.664 pagantes. Renda: R$ 105.757.

Fonte: Globoesporte.com

Nenhum comentário :
Write comentários

Todo e qualquer conteúdo publicado nos comentário do Actual Esporte é de total responsabilidade de quem os aferir.